segunda-feira, 15 de agosto de 2011

Otimista, Alckmin prevê 200 Km de Metrô para 2020

Imagem: Blog Meu Transporte
O governo de São Paulo estima aumentar para de 70 para 195 km a extensão da malha metroviária até o fim da década. O projeto foi apresentado na tarde desta segunda-feira (15) pelo governador Geraldo Alckmin e faz parte do Plano Plurianual (PPA) 2012-2015.


Otimista ou não, o plano prevê um investimento de R$ 118 bilhões, sendo R$ 85 bilhões do governo e R$ 33 de estatais e Parcerias Público-Privadas (PPPs). Desse total, R$ 45 bilhões serão usados no transporte metro-ferroviário, sendo R$ 30 bilhões do governo e R$ 15 bilhões de PPPs:


“Além dos 70 km atuais, vamos entregar mais 30 km de Metrô até 2014 e deixaremos um canteiro de obras de 95 km”, afirmou Geraldo Alckmin durante entrevista no Palácio dos Bandeirantes, sede do governo do estado paulista. No entanto, os 95 km restantes ficarão a cargo da próxima gestão, e também na vontade do próximo governador.


Outra prioridade é modernizar as composições da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM).


Segundo o secretário de Planejamento e Desenvolvimento Regional, Emanuel Fernandes, se o PPA recebesse nome, seria intitulado PPA da mobilidade. “Melhoria no transporte é melhoria na qualidade de vida do cidadão.”


Renato Lobo é Técnico em Transporte Sobre Pneus e Transito Urbano.

Um comentário:

  1. Prometeu km.

    Disse onde e quem vai receber antes?

    ResponderExcluir