terça-feira, 2 de agosto de 2011

Corredor Diadema-Brooklin completa um ano, mas chove o número de reclamações

O corredor Diadema - Brooklin completou um ano no último domingo, dia 31. Mas, moradores da região e passageiros dizem que o desempenho não está satisfatório. Grande parte desta insatisfação é por motoristas que não respeitam a faixa exclusiva para ônibus.


Por dia passam pelo corredor 165 mil pessoas em 19 linhas. Segundo reportagem do G1, muitas pessoas acham que é gente demais para pouco ônibus.
Os 12 km do corredor, que demorou 20 anos para ficar pronto, decepcionou alguns passageiros. Uma mulher entrevista diz que leva hoje quase o mesmo tempo de antes para ir do ABC até a Avenida Engenheiro Luís Carlos Berrini. Os ônibus vão em fila, um atrás do outro, sem chance de ultrapassar.


Algumas linhas da SPTrans trafegam fora da faixa exclusiva. Mas quando os ônibus têm que ultrapassar vão por qualquer uma.


Para diminuir a lotação, a EMTU pretende colocar ônibus articulados e biarticulados no corredor até o final do ano e estuda a construção de faixas de ultrapassagem.



Renato Lobo é Técnico em Transporte Sobre Pneus e Transito Urbano.

7 comentários:

  1. Realmente a CET tem de ficar em cima das pessoas que não respeitam a faixa esclusiva para ônibus, e com certeza faltam mais linha e ônibus nesse corredor. Uma boa idéia como você disse seria realmente os articulados, mas só isso não resolve, precisa de mais linhas para que os usuarios tenham mais facilidades de chegarem aos seus destinos.

    abraços

    Att:
    Wesley Rodrigues
    Jabaquara

    Parabéns pelo Blog, Excepcional e estou sempre acompanhando.

    ResponderExcluir
  2. Olá Wesley

    Obrigado...grande abraço

    ResponderExcluir
  3. sim, tem que haver mais fiscalização no corredor...infelizmente vejo diariamente motoqueiros e carros invadindo a faixa em total desrespeito ao usuário. Trabalho na Avenida Cupecê e é constante a falta de organização do corredor. A Sptrans devia dar mais atenção aquele local, se multa dá renda, alí tem grandes possibilidades de arrecadação...e eu assino em baixo!!

    ResponderExcluir
  4. claro que o corredor tava sendo aguardado há muito tempo,mas o problema é que tiveram mais de 20 anos,pra construir o corredor e nem troleibus puseram lá...
    aqueles 0500m não tão dando conta por lá...espero que venham uns k270 novos pra lá,pois do jeito que tá num dá.

    ResponderExcluir
  5. Esperem... SPTrans? Mas o corredor em questão não é da EMTU?

    ResponderExcluir
  6. Olá Caio...

    A administração é por parte da EMTU, mas trafegam também linhas da SPtrans ...

    ResponderExcluir
  7. Caio: por força contratual a Metra é obrigada a fazer a manutenção, fiscalização e conservação do corredor. Só que a SPTrans, que divide o uso das linhas neste corredor, não se vê obrigada a fazer isso. Portanto, a Metra vai tocando com a barriga: não é casual ter as piores linhas da Metra deste corredor: poucos ônibus, intervalos longos entre os veículos, apenas 2 articulados (quando rodam)...

    Eduardo Couto.

    ResponderExcluir